Quer financiar capital de giro?

Conheça os requisitos para financiar seu capital de giro: quem pode solicitar, o que pode ser financiado e como fazer o empréstimo.
Autor:

Conheça os requisitos para financiar seu capital de giro: quem pode solicitar, o que pode ser financiado e como fazer o empréstimo.

O mundo do empreendedorismo exige não apenas recursos, mas estratégia e organização para equilibrar o fluxo de caixa de uma empresa. Nesse sentido, um empreendimento deve estar constantemente apto a cobrir seus custos e despesas, e é para isso que serve o capital de giro.

O capital de giro é bom indicador da saúde financeira de uma empresa pois permite a viabilização de estoques, garantia de recursos para pagamentos aos fornecedores, financiamento para os impostos e encargos sociais da empresa, bem como ser o recurso necessário em caso de uma expansão do negócio.

O mercado apresenta uma grande variedade de opções de financiamento de capital de giro, tanto de instituições públicas como o BNDES Giro, o BB Giro Empresa e o Giro Caixa Fácil, bem como os de instituições privadas: Capital de Giro Santander, Capital de Giro Bradesco, entre outros.

Porém, antes de requerer um financiamento é necessário conhecer os requisitos, as características e as informações sobre o tipo de empréstimo pleiteado.

O que pode ser financiado?

O financiamento de capital de giro serve para levantar caixa, elevando os índices de liquidez da empresa. Tal financiamento tem por objetivo manter as operações e proporcionar oportunidades de aumento de receita, atendendo assim às necessidades financeiras cotidianas de gestão do empreendimento.

Levando essa definição em conta, os bancos e os credores possuem poucas ou nenhuma restrição sobre como o tomador do empréstimo utiliza o dinheiro. Isso permite o empresário utilizar o crédito da maneira que lhe convir.

Vantagens

Além da liberdade de não precisar comprovar o destino do recurso, existem outras vantagens de se tomar um financiamento de capital de giro em relação a outros tipos de empréstimos:

Recursos contra imprevistos

Mesmo as maiores empresas do mercado podem ter problemas de liquidez para pagar suas obrigações salariais, comerciais e fiscais. Os compromissos com fornecedores, por exemplo, podem ser afetados uma vez que o prazo médio de recebimento de vendas (PMRV) seja maior que o prazo médio de pagamento de fornecedores (PMPF).

O capital de giro oferece segurança para a empresa honrar seus contratos e consequentemente equilibrar seu fluxo de caixa.

Rapidez na disponibilidade do recurso

O empréstimo de capital de giro é uma das maneiras mais rápidas de obter dinheiro no mercado, sem que o empreendedor se preocupe com grandes burocracias relacionadas aos empréstimos bancários tradicionais.

Esse modelo de financiamento permite que o empreendedor acesse o dinheiro quase que imediatamente, geralmente dentro de uma semana após o pedido ser aceito.

Flexibilidade de financiamento

A negociação envolvendo o empréstimo de capital de giro geralmente é bem flexível. Os prazos para pagamento são negociados de acordo com a necessidade.

A movimentação dos recursos é realizada por meio de transferência direta para a conta corrente do empreendedor. Já o limite de financiamento de capital de giro é definido de acordo com a capacidade de pagamento da empresa.

Quem pode solicitar?

Só podem fazer uma solicitação de BNDES Giro:

  • Empresas privadas sediadas no país;
  • Produtores rurais (pessoa física);
  • Empresários individuais com CNPJ regularmente inscrito;
  • Fundações, associações e cooperativas;
  • Consórcios e condomínios que exerçam atividade produtiva.

Os demais bancos, sejam públicos ou privados, têm como requisito comum que o requisitante do empréstimo seja cliente do banco em questão e que forneça garantias (colaterais) ao credor. Essas garantias podem ser máquinas, equipamentos, veículos, fábricas, casas, inventários ou até mesmo jóias.

O crédito está sujeito à aprovação da instituição, de forma que são analisados tanto o histórico com o banco bem como o cadastro positivo do cliente.

Também é possível requisitar um empréstimo de capital de giro não garantido. Porém, estes possuem taxas de juros mais elevadas, uma vez que aumenta-se o risco para o banco emprestar. Se sua empresa tem um relacionamento ruim ou inexistente com seu banco ou instituição financeira, o credor dificilmente concederá o empréstimo requisitado.

Como solicitar?

Para que o pedido de um empréstimo seja aprovado pelo seu banco na modalidade e condições de pagamento escolhidas, é preciso fazer um Projeto de Financiamento bem estruturado. Este, por sua vez, é um documento feito para uma instituição financeira com intuito de aprovação de crédito para as empresas, e pode vir acompanhado de um documento de viabilidade econômica.

Para saber mais sobre como solicitar um Projeto de Financiamento, entre em contato a Econsult e marque uma reunião de diagnóstico gratuita.



Quer financiar Capital de Giro? Nós podemos te ajudar!

[contact-form-7 id=”2132″ title=”Financiamento”]